Imagem: Logo Volk do Brasil
Publicado em 22/03/2017

4 dicas para contratar um bom técnico em segurança do trabalho


Atualizamos com mais algumas dicas!

Abriu uma vaga na sua empresa e você quer ocupá-la, mas como ser um bom técnico de segurança do trabalho? O processo seletivo para esse tipo de vaga é bastante complexo e é preciso ficar atento para desenvolver as características certas para ingressar nessa posição.

Líderes observam determinadas particularidades nos seus técnicos de segurança do trabalho, e se você quiser entrar nessa carreira, terá que desenvolvê-las. Por isso, preparamos um guia que vai ajudá-lo a se tornar o profissional ideal para ocupar essa posição. Confira quais caraterísticas desenvolver para ser um bom técnico de segurança do trabalho!

1. Observe as atribuições do cargo

Ao divulgar a vaga, o líder da sua empresa vai definir as características ideais no segurança do trabalho que procura. É preciso estar atento a todas elas e correr atrás daquelas que ainda não fazem parte do seu rol de atribuições. Uma boa conversa com o gestor vai ajudá-lo a entender melhor o que ele procura nesse profissional, para além da descrição do cargo.

É preciso ficar muito atento às atribuições formais do cargo, aos cursos e ao perfil de profissional que buscam na sua empresa. Só assim você terá chances de vir a ocupar esse cargo.

2. Faça treinamentos e eduque-se para a carreira

Com o que você trabalha hoje? O quão próximas são as suas tarefas das atribuições de um profissional de segurança do trabalho? É provável que terá que estudar bastante para conseguir fazer essa mudança de carreira.

Assim que tomar a decisão, comece a sua jornada em direção ao conhecimento necessário para se dar bem na nova profissão. Faça cursos profissionalizantes, workshops, obtenha certificações relevantes na área e, se possível, comece a solicitar atribuições relacionadas à área de segurança do trabalho para expandir seus horizontes dentro da empresa.

3. Escolha um canal para se divulgar

O quanto antes as pessoas ao seu redor souberem que segurança do trabalho é uma de suas áreas de interesse, melhor. Elas poderão direcionar oportunidades para você e terão facilidade de se lembrar dessa aspiração quando estiverem coordenando um processo de seleção.

O seu chefe sabe que você quer ser técnico de segurança do trabalho? Deixar isso claro mesmo antes do processo seletivo é uma maneira de sair à frente da competição.

Atualize o seu perfil na internet, divulgue os cursos que fez e as atribuições que possui e faça publicações relevantes para mostrar que detém conhecimento na área. Na maioria das vezes, chefes começarão os processos de seleção com um recrutamento interno, e se seu currículo e atribuições estiverem claros, você conseguirá sair na frente.

4. Participe de dinâmicas e simulações

No dia marcado para realizar a entrevista, é interessante que você esteja pronto para participar de dinâmicas e simulações que permitam a identificação dos conhecimentos e competências técnicas de cada um. Essas atividades são desenvolvidas para avaliar quem domina as características importantes de um profissional de segurança do trabalho e sabe o que fazer em momentos de tensão.

Não deixe de participar de atividades que demonstrem sua capacidade de trabalhar em equipe e lidar com as adversidades. Apenas tome cuidado para não perder o foco entre as atividades nem a oportunidade de mostrar que domina a área em cada uma delas.

Algumas das características importantes em um técnico de segurança do trabalho e que devem ser mostradas são: responsabilidade, ação preventiva, busca pelo conhecimento, raciocínio rápido, paciência e facilidade de comunicação.

5. Prepare-se para a sua entrevista

O tempo dedicado a uma entrevista de emprego é relativamente pequeno e não permite que o recrutador tenha um conhecimento aprofundado sobre o candidato. Por isso, é tão importante buscar por referências nos empregos anteriores.

Caso você não saiba quais perguntas são feitas a um futuro técnico de segurança do trabalho, não se preocupe, pois temos alguns exemplos:

  • você sabe qual é o papel do segurança do trabalho? Por que você quer exercer essa função?

  • Que características fazem com que você seja um bom profissional para ocupar essa importante área do negócio?

  • Por que você resolveu se aprofundar em segurança do trabalho?

  • Como é o seu relacionamento com os colaboradores? Você conseguiria educá-los e coordená-los em direção a comportamentos melhores?

  • O que faria diferente como técnico de segurança do trabalho (em relação ao profissional anterior)?

Aprenda não só a resposta para essas perguntas, mas também a explicar porque elas são importantes e que impacto têm na saúde dos profissionais que trabalha na sua empresa. Assim, você estará pronto para uma entrevista — mesmo que essas não sejam as questões que apareçam ali.

6. Desenvolva o pensamento de grupo

Como técnico de segurança do trabalho, você estará responsável pelo bem-estar de todos ao seu redor. Por isso, é hora de começar a pensar coletivamente, e não apenas como indivíduo.

Para exercer bem a função, ganham pontos aquelas pessoas que conseguem se colocar no lugar do outro e, com empatia, desenvolver soluções que melhoram o ambiente de trabalho para todos.

Desenvolva também proximidade com os demais funcionários. Assim, você poderá se posicionar como um profissional que é respeitado pelos demais e que terá muito a contribuir quando o assunto é segurança do trabalho.

7. Se atualize sempre

Por último, não se esqueça de que a segurança do trabalho é uma área dinâmica. Se você quer se tornar um excelente profissional nessa área, aprenda mais sobre tecnologia, busque se educar de maneira constante, faça cursos de atualização periodicamente e não espere os líderes da sua empresa cobrarem por isso.

Sua proatividade mostrará que está pronto não só para ser um bom técnico de segurança do trabalho, mas também para se transformar em um agente da mudança. Alguém que vê à frente e antecipa situações de risco para garantir a saúde e o bem-estar de todos os profissionais que trabalham com você.

Leia publicações da área, estabeleça contato com outros profissionais de segurança do trabalho e tente criar uma rede ao seu redor voltada para a sua nova ambição profissional.

Além das atribuições que mencionamos aqui, um bom técnico de segurança do trabalho deve ter características próximas às do perfil da empresa. Se proatividade, liderança e vontade de aprender são valorizadas no lugar em que quer trabalhar, não importa o cargo que ocupe, você estará muito bem servido desenvolvendo-as.

O que achou das nossas dicas? Está preparado para aprender como ser um bom técnico de segurança do trabalho? Para ficar por dentro de outros posts como este e continuar aprendendo, não perca tempo e assine agora mesmo nossa newsletter!


Últimos posts