Imagem: Logo Volk do Brasil
Banner: Baixe grátis o Guia de Luvas de Segurança - Aprofunde seu conhecimento sobre o vasto mundo das luvas de segurança. Banner: Baixe grátis o Guia de Luvas de Segurança - Aprofunde seu conhecimento sobre o vasto mundo das luvas de segurança.
Publicado em 29/07/2019

7 dicas de vendas para ter mais sucesso com o cliente


O quão bem-sucedida é sua empresa quando é hora de vender? Não basta ter uma logística interna incrível, um estabelecimento de ambiente agradável e os melhores produtos à sua disposição se não tiver vendedores capacitados para mover o estoque. E, mesmo que esteja bastante satisfeito com os resultados de hoje, garantimos que neste artigo há algumas dicas de vendas que vão impactar o lucro do seu empreendimento.

Você sabia, por exemplo, que a ideia do que é um bom vendedor mudou bastante nos últimos anos? Muito mais do que alguém que vende bastante, um bom profissional da área é aquele que não tem medo de novos desafios, está pronto para aprender de maneira constante e oferecer um atendimento cada vez mais voltado para as necessidades dos consumidores.

Confira as dicas de vendas que preparamos para que você obtenha cada vez mais sucesso com o cliente!

1. Conheça bem os produtos que oferece

A sua melhor arma para vender mais é o conhecimento que tem a respeito daquilo que oferece. O vendedor é um dos primeiros pontos de contato entre quem compra EPI e os equipamentos de proteção individual em si, portanto, ele precisa entender muito do assunto.

Hoje, a maioria das pessoas que entra em uma revenda de EPI busca mais do que apenas levar os produtos para casa. Verifica-se a procura de dois serviços que funcionam como um diferencial da sua loja: treinamento e consultoria. Se os vendedores não sabem o suficiente sobre o produto que comercializam, eles não podem oferecer nenhuma dessas coisas e as chances de fidelizar o consumidor diminuem.

Leia muito, frequente cursos e workshops não só de vendas, mas também voltados para a área de segurança do trabalho, e torne-se o melhor amigo que o seu cliente precisa na hora de fazer a compra de EPI. Assim, você conseguirá destacar seu negócio de toda a competição.

2. Aprenda a falar a língua do cliente

Você já deve ter reparado que não falamos da mesma forma com todas as pessoas. Quando manda um Whatsapp para os seus amigos, por exemplo, o tipo de linguagem que utiliza é bastante diferente da usada ao redigir um e-mail de trabalho. A diferença entre essas maneiras de se comunicar não é exatamente o veículo utilizado, mas o público com que estamos interagindo.

O seu cliente tem um jeito único de falar e estar familiarizado com ele é essencial para conseguir fazer mais vendas. Observe o tom de voz, as palavras utilizadas com familiaridade por quem liga para ou visita a sua loja e terá facilidade em entender como essa pessoa gostaria de ser tratada. Pitches de vendas ficam muito mais atraentes quando são feitos na língua do cliente.

3. Desenvolva um relacionamento com o consumidor

Ninguém gosta de ser lembrado apenas quando faz uma compra. O pós-vendas é tão importante para que você tenha sucesso com o cliente quanto qualquer outra das dicas de vendas que demos até aqui. O relacionamento com o cliente a partir do momento que ele sai da loja é o que vai fazê-lo voltar a fazer negócios com a sua empresa.

Algumas tecnologias podem ajudá-lo a fazer um pós-venda mais eficiente, como os sistemas CRM. Esses sistemas condensam todas as informações do consumidor em um só lugar, incluindo a última vez que ele entrou em contato com a sua loja e vice-versa. Utilizá-lo fará com que seja mais simples lembrar de enviar um e-mail, uma mensagem de feliz aniversário ou uma oferta exclusiva, que faça aquele cliente visitá-lo de novo.

4. Fuja de abordagens tradicionais

Todas as abordagens de venda tradicionais envolvem bajular o cliente para fechar negócio. Atualmente, com a popularização do acesso à internet e das compras online, que tiraram o vendedor da intermediação de boa parte das transações que fazemos no dia a dia, esse tipo tradicional de interação passou a ser percebido como pouco útil. Ouvir elogios não fará com que ninguém esteja mais propenso a comprar no seu estabelecimento como era comum antigamente.

Mude sua abordagem para uma focada em dados e informações sobre os produtos. Grande parte dos clientes chega às lojas já sabendo o que quer adquirir e, quanto menos tempo perder, melhor.

5. Fale aquilo que o cliente ainda não sabe sobre os produtos

Esse acesso à informação que mencionamos no tópico anterior deve ser considerado na maneira como fala sobre os produtos da loja. Um vendedor precisa estar apto a informar o cliente sobre coisas que ele não sabe. Quem procura por um capacete já sabe a função do acessório e precisa apenas entender qual é o mais apropriado para o tipo de negócio que tem, bem como o quão bom o produto é.

Para atualizar sua abordagem, ouça o cliente mais e fale menos. Alguns deles estarão menos informados e precisarão de mais dados antes de fechar a compra, mas todos esperam que você diga apenas aquilo que eles ainda não conhecem sobre os produtos.

6. Cuide da sua aparência

Quando é atendido em algum lugar você repara o quão bem vestido e limpo está o vendedor? Apostamos que sim. Cuidados com a higiene pessoal e o guarda-roupas são sinais de zelo, que causam uma boa primeira impressão.

Especialmente no varejo, a falta de cuidado com a aparência pode prejudicar uma marca. Clientes que acabaram de conhecê-la, ao serem atendidos por alguém descuidado, estão propensos a achar que aquilo é parte da filosofia da empresa. É o vendedor quem empresta autoridade, não só aos produtos, mas também ao estabelecimento.

Por isso, preocupe-se com o que veste. Fazer isso bem será fundamental para que o cliente confie em você.

7. Ofereça demonstrações dos produtos

Na hora de vender EPI é preciso colocar a mão na massa. Demonstrar como os produtos são utilizados e quais benefícios eles trazem para a segurança do trabalho no estabelecimento do cliente, é uma ótima estratégia para aumentar seu ticket médio com a entrega de serviços e não só de produtos.

Ofereça ao cliente aulas experimentais sobre equipamentos de proteção individual, demonstrações de produtos e agregue valor às ofertas.

Um bom vendedor é aquele que busca inovar a maneira como interage e se relaciona com o cliente de forma constante, sempre se preocupando com atender a todas as expectativas e com agradar quem mantém a sua empresa de portas abertas. De todas as dicas que viu aqui, lembre-se sempre da mais importante: aprofundar seu conhecimento acerca de produtos. É por meio da capacitação e aprendizado constante que você se tornará um vendedor mais eficaz e fará da sua revenda um negócio bem-sucedido.

O que achou das dicas de vendas que selecionamos para você? Deixe seu comentário!


Últimos posts




Comentários