Imagem: Logo Volk do Brasil
Banner: Baixe grátis o Guia de Luvas de Segurança - Aprofunde seu conhecimento sobre o vasto mundo das luvas de segurança. Banner: Baixe grátis o Guia de Luvas de Segurança - Aprofunde seu conhecimento sobre o vasto mundo das luvas de segurança.
Publicado em 18/03/2019

Gestão de revenda: conheça 8 erros e saiba como evitá-los


Para quem trabalha com revenda de produtos, é preciso ter bastante cuidado com algumas práticas, como realizar um bom planejamento, controle de estoque, estratégias e metas a cumprir. Tudo isso é essencial para evitar prejuízos em sua empresa, pois a gestão de revenda é capaz de alavancar os negócios e fazer com que o empreendimento seja um destaque em seu segmento.

A administração eficaz torna o negócio mais competitivo, ao passo que traçar estratégias específicas auxilia na elaboração de um planejamento correto e evita possíveis erros e retrabalhos na empresa. Neste post, você vai conhecer oito erros nesse tipo de gestão e saber como evitá-los. Confira!

1. Falta de controle nos processos de venda

É fundamental que você empregue métodos de revenda bastante coesos para gerar resultados satisfatórios. No momento em que cada colaborador realiza o trabalho de um modo diferente, não existe identidade corporativa e isso provoca insatisfação no mercado.

A administração precisa saber como a equipe de vendas está lidando com as ofertas e de que maneira faz o contato com os consumidores, como nutre o relacionamento com eles etc. Dessa forma, torna-se possível encontrar as falhas e sanar as situações que estejam ocasionando a insatisfação nos clientes.

É muito importante que seu empreendimento invista em comunicação e treinamentos estratégicos, a fim de orientar os vendedores sobre a maneira com a qual a revendedora deseja se relacionar com o cliente.

2. Metas e objetivos sem definições claras

Não adianta determinar estratégias bastante ambiciosas se elas não forem possíveis de serem realizadas. É fundamental direcionar um percurso contínuo do ponto em que está até o local que se deseja alcançar, com metas intermediárias alcançáveis.

Outra questão interessante é que as metas necessitam ser concisas, mensuráveis, importantes e com tempo determinado. Além do mais, toda decisão deve ser dialogada de modo transparente com sua equipe, a fim de garantir a compreensão de todos os envolvidos.

3. Equipes sem autonomia

A falta de autonomia da equipe pode ser um grande problema na gestão de revenda, já que não é eficaz que seus funcionários dependam de ordens constantes para praticar suas tarefas diárias. Além disso, colaboradores sem autonomia acabam ficando desmotivados, inaptos e com bem menos criatividade para realizar vendas.

É essencial delegar atividades desafiadoras aos vendedores para que cada um consiga criar sua forma de conquistar clientes e promover suas vendas.

4. Falta de ferramentas adequadas

Quem atua com a revenda de EPIs, por exemplo, acaba trabalhando bastante de forma externa e algumas informações relativas a essas vendas devem ser registradas. É importante que a empresa forneça ferramentas corretas para que a atividade funcione de forma simples e objetiva.

Nos dias de hoje, existem diversos softwares que podem ser criados de modo personalizado, conforme as necessidades de cada empreendimento. Isso permite que o trabalho seja feito de maneira bem mais eficiente.

Programas que possam ser usados também por meio de aplicativos móveis auxiliam bastante a sua equipe a registrar dados no sistema do local em que estiver, sem perder tempo ou sem correr o risco de ter informações perdidas.

5. Processos de vendas sem acompanhamento

Quando o assunto é gestão de revenda, avaliar e medir são ações fundamentais nesse processo, pois a união desses conceitos é essencial para a boa administração de qualquer negócio.

Realizar um acompanhamento consistente dos resultados das vendas é muito importante para identificar métodos necessários que potencializem a atividade laboral. E a tecnologia também pode auxiliar bastante nessa questão, pois o seu uso pode permitir um acompanhamento constante das vendas, tudo de forma online.

Ela facilita o gerenciamento da empresa como um todo, por meio dos módulos de controle de estoque, administração financeira, vendas, orçamentos, cadastro de clientes, fornecedores, entre outros. Tudo isso faz com que o gestor tome decisões corretas e amplifique o seu mercado de atuação.

6. Falta de conhecimento sobre o seu público-alvo

Você já se perguntou se conhece bem o seu público-alvo? A falta de conhecimento do que seus consumidores almejam é um dos maiores erros em vendas para qualquer negócio. É fundamental entender quais sãos os interesses dos clientes para que você saiba concentrar esforços em determinadas vendas. Isso significa que também é preciso conhecer a fundo o seu produto ou serviço, caso contrário você terá muito mais dificuldades de compreensão do que deve vender a eles.

Dessa forma, analise cada vantagem que o seu produto ou serviço oferece e a quais nichos ele interessa. Quais problemas do consumidor sua mercadoria ou serviço soluciona? Quais contribuições do que você revende justificam a escolha do cliente em relação ao concorrente? Sempre saiba abordar seu público da melhor maneira possível.

7. Atendimento padronizado e sem personalização

Um grande erro que acontece em diversas empresas é o atendimento padronizado para qualquer tipo de cliente. Cada cliente é único e gosta de ser atendido de forma personalizada. Quando você demonstra para ele que compreende suas necessidades, o relacionamento torna-se muito mais próximo. Isso influi no aumento de vendas, uma vez que ele ficará bem mais satisfeito, ampliando, dessa forma, as possibilidades de fidelização.

8. Falta de acompanhamento no pós-venda

Caso o seu time comercial esteja sempre correndo atrás das metas, ele pode estar pecando por não prezar em obter uma relação contínua com os clientes. Ou seja, as prioridades são apenas em vender mais e isso acaba deixando de lado a satisfação do cliente.

Uma das razões pela qual grande parte dos clientes deixam de comprar é a má gestão do pós-vendas, e não por causa da falta de qualidade das mercadorias e serviços oferecidos. Demoras no atendimento e indiferença com as reclamações dos consumidores são fatores preponderantes para gerar insatisfação e, consequentemente, a perda do seu público.

Enfim, todos esses erros citados na gestão de revenda devem ser eliminados, ampliando o seu nível de engajamento e comprometimento com os clientes. É preciso estar atento a tudo isso para que você consiga se destacar no mercado e estar à frente da concorrência.

Se este post foi útil para você, aproveite a visita no blog e saiba como ter o controle de entrega de produtos solicitados pelo cliente!


Últimos posts




Comentários