Saiba como investigar um acidente de trabalho corretamente

acidente-de-trabalho

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Que tal ouvir esse artigo? Experimente no player abaixo.

Um grande problema de muitas empresas está ligado ao número de acidentes de trabalho que acontecem durante o exercício das atividades dos funcionários. Ocorrências como essa podem causar perda ou redução — permanente ou temporária — da atividade laboral. Em casos mais graves, os colaboradores da organização podem se machucar seriamente ou até mesmo vir a falecer. Sendo assim, é necessário implementar medidas eficientes para promover um local seguro que garanta a integridade física e qualidade de vida dos integrantes da equipe, como uma investigação eficiente dos acidentes ocorridos.

Pensando nisso, elaboramos este conteúdo para explicar a importância dessa prática e apresentar dicas de como empregá-la de forma efetiva. Acompanhe!

Por que é importante investigar um acidente de trabalho?

A investigação do acidente de trabalho gera impactos diretos na minimização dos problemas com ou sem lesão aos colaboradores. Além disso, contribui para a redução dos prejuízos da organização, seja com a perda de material, horas de trabalho ou indenizações pagas ao funcionário que sofreu o acidente.

Outro ponto importante é que a investigação ajuda na verificação de possibilidades sobre uma situação, com o intuito de detectar aspectos que geram perigo e criar soluções para evitá-los. Entre os seus principais benefícios estão:

  • prevenir futuros acidentes;
  • aprimorar as condições de segurança na empresa;
  • cumprir a lei trabalhista;
  • evitar custos associados à ocorrência de acidentes de trabalho;
  • desenvolver habilidades de análise;
  • aumentar a conscientização da equipe, entre outros.

Como fazer uma investigação de acidente de trabalho?

A ocorrência de acidente de trabalho pode indicar algum erro nas medidas preventivas e de segurança aplicadas pela empresa. Sendo assim, realizar uma investigação eficiente pode ajudar na identificação precoce e no desenvolvimento de boas soluções. Veja como realizá-la da maneira mais assertiva.

Faça a coleta dos dados

Antes de tudo, é necessário proteger a cena do acidente para reunir as informações iniciais. Afinal, duas coisas podem se alterar depois de um acidente ocorrer: as provas materiais e as memórias das testemunhas. É importante coletar esses dados de maneira ágil para garantir uma maior quantidade de registros relevantes em mãos.

Entre os maiores obstáculos que os investigadores precisam superar está a capacidade de estabelecer quais informações são úteis para ajudar na compreensão do ocorrido — de que forma e porque aconteceu.

Opte por um método eficaz

O método aplicado pela investigação vai variar conforme as características e complexidade do acidente. Fatos ocasionados pela ausência de cumprimento às regras de segurança, por exemplo, devem ser direcionadas de forma simples e somente com a coleta de informações e depoimentos.

Ocorrências mais complexas, originárias de diversos aspectos combinados, podem requerer uma análise mais aprofundada e relatórios minuciosos.

Realize simulações

A simulação auxilia os colaboradores a terem uma visão mais ampla do contexto do acidente e, assim, lembrarem fatores relevantes ou confirmarem a sucessão de eventos. Por meio disso, fica mais fácil detectar de maneira mais precisa a hora que aconteceu o erro, como este poderia ser evitado e a causa. A finalidade não é apontar quem tem a culpa, mas sim compreender tudo de maneira clara.

Colha os depoimentos necessários

O time de investigação precisa conversar com as vítimas do acidente e todas as testemunhas envolvidas. Além disso, é indicado entrevistar terceiros, como aqueles que atuam regularmente no setor do evento do ocorrido ou que tiveram contato com a vítima antes do acidente.

Busque por fatos excepcionais

Caso a organização tenha um programa de segurança do trabalho em vigor, pode ser que o mesmo não estivesse sendo seguido à risca quando houve o acidente. Ao avaliar as informações coletadas a respeito do acidente, a equipe de investigação deve se atentar aos fatos anormais antes do acidente e que possam ter colaborado para que o mesmo ocorresse.

Esteja tento aos detalhes

Elabore uma sequência dos eventos que provocaram o acidente. Após, analise cada fato para identificar condutas inseguras, as condições de perigo e práticas que não foram aplicadas e que possam ter facilitado o acidente. Estude também os programas, sistemas, procedimentos e políticas de segurança.

Preze pela objetividade

Uma boa investigação precisa ser pautada por uma coleta de dados com foco na prevenção e análise das consequências, e não na procura de culpados. Mesmo no fornecimento de feedbacks para o time, é necessário deixar claro que as conclusões levaram ao aprimoramento dos processos de segurança e não a punição de uma pessoa específica.

Desenvolva o relatório

É fundamental criar um relatório que inclua todas as informações colhidas, a sequência dos fatos, os motivos presumidos do acidente e as recomendações de prevenções de acidentes de trabalho futuros.

Um relatório conclusivo complementa a apuração, por isso, os dados devem ser registrados de maneira clara e didática, com exposição de tudo que for considerado importante, mas com cuidado para não deixá-lo muito longo. Entre os aspectos que devem estar presentes no relatório estão: um resumo, uma descrição do acidente, as práticas de acompanhamento e revisão, anexos (esboços, entrevistas, fotos, entre outros) e recomendações.

Apesar de cada investigação de acidente de trabalho ter suas particularidades, os procedimentos fornecerão algumas orientações básicas a respeito da forma e as causas pelas quais o fato aconteceu, com o intuito de recomendar práticas de prevenção que possam tornar a empresa um ambiente laboral mais seguro.

Invista em soluções

É necessário propor melhorias, com o objetivo de evitar novos acidentes de trabalho. Para garantir que as recomendações sejam eficientes, medidas de controle de perigo devem ser empregadas para eliminar ou reduzir os motivos específicos que causam esses problemas.

Conseguiu entender a importância da investigação de acidente de trabalho? Por meio desta, é possível identificar as causas de problemas, melhorar as políticas de segurança e manter um ambiente organizacional mais saudável. Assim, as ações mencionadas no decorrer do conteúdo devem ser aplicadas como forma de realizar um processo preciso e assertivo.

Além disso, é possível contar com bons parceiros nesse momento, que podem oferecer mais segurança por meio de seus produtos e serviços, por exemplo, a disponibilização de Equipamentos de Proteção Individual.

Achou este artigo interessante? Então, que tal aproveitar para curtir as nossas redes sociais e ficar por dentro de publicações atuais e relevantes sobre outros assuntos? Estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn!

Inscreva-se em nossa Newsletter

Cadastre-se para receber notícias sobre Segurança e Saúde no Trabalho.
É GRÁTIS!

Mais Posts