Conheça os principais erros na utilização de EPIs!

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Os EPIs são equipamentos de proteção individual indispensáveis para a proteção do profissional no dia a dia de suas atividades. Ele serve para proteger o colaborador de diferentes riscos que podem surgir no ambiente de trabalho e possam comprometer sua saúde. Por isso, a utilização de EPIs é um requisito fundamental para a execução de diferentes atividades dos trabalhadores, seja com o uso de capacetes, protetores auriculares, luvas, botas, óculos, viseira, entre outros itens.

Quer descobrir quais são os principais erros na utilização de EPIs? Então, confira todos os tópicos que elaboramos ao longo do artigo. Boa leitura!

Usar EPIs do tamanho errado

Um dos erros mais cometidos na utilização desses equipamentos é o uso do tamanho errado dos EPIs. Por exemplo, é preciso que o capacete encaixe corretamente, para que não caia da cabeça do funcionário com facilidade. Da mesma forma que as luvas precisam estar bem ajustadas, para que não se soltem enquanto o trabalhador realiza as atividades nas máquinas, o que pode aumentar o risco de provocar acidentes. 

Não conhecer o risco do trabalho

Quando os colaboradores não conhecem os riscos aos quais estão expostos no ambiente de trabalho, eles ficam mais suscetíveis a cometer falhas na utilização dos EPIs. É por isso que o responsável técnico de segurança no trabalho precisa estudar e listar todos os perigos que podem estar presentes nas atividades dos profissionais da empresa. Feito isso, o profissional deve indicar todos os equipamentos necessários para ser possível evitar acidentes de trabalho. 

Retirar os EPIs durante o serviço

Durante uma atividade e outra de trabalho na organização, algumas pessoas cometem o erro de retirar o EPI. Essa atitude pode ser bastante perigosa, principalmente se for feita no local de risco de execução de uma atividade. Além disso, mesmo que o serviço seja feito por outro colaborador, não é recomendado retirar o item, visto que, dependendo da demanda realizada, todos os profissionais podem estar no mesmo nível de risco de acidente.

Utilizar EPIs vencidos

Diferentemente do que muita gente pensa, durante a utilização de EPIs, também é preciso ficar atento à data de vencimento dos equipamentos. Isso porque o uso fora do prazo de validade pode colocar em risco a vida do funcionário, além de acarretar processos para a companhia.

Outro ponto que também precisa ser considerado é o CA (certificado de aprovação). É possível renovar os certificados após serem refeitos os testes necessários nos itens, sendo documentados legalmente.

Portanto, fique atento a esses erros e não se esqueça de seguir as melhores dicas para utilização de EPIs. Conte com fornecedores especializados que possam dar o suporte necessário e treinamento para você e seus colaboradores.

Gostou das informações que apresentamos para você? Então, não deixe de assinar a nossa newsletter, para receber mais informações do seu interesse diretamente no seu e-mail. Garantimos que você vai adorar!

Inscreva-se em nossa Newsletter

Cadastre-se para receber notícias sobre Segurança e Saúde no Trabalho.
É GRÁTIS!

Mais Posts